Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 22 - segunda-feira, 29 de novembro de 2021

Balanço da tempestade, pelos Bombeiros: "Queda de árvores: 33; Risco de desabamento/desmoronamento: 05; Inundação: 05; Salvamento de pessoa em inundação: 01; Perigo de eletrocussão: 08". Torre de telefonia que caiu tinha 40 metros de altura, diz jornal de BH. Aeroporto ficou sem luz

Sábado 23/10/21 - 5h48

Divulgação do Corpo de Bombeiros - 1h16m:


MONTES CLAROS- 7º BBM- Balanço das ocorrências relacionadas às chuvas que caíram na cidade na tarde de sexta-feira

Na tarde da última sexta-feira (22), por volta das 16h, a cidade de Montes Claros foi atingida por uma tempestade com a presença de granizo ocasionando danos materiais em diversos pontos da cidade.

As fortes chuvas, ocasionaram quedas de árvores, destelhamento de casas, quedas de estruturas, placas, outdoors, além de alagamento de várias residências, arrastamento de veículos pequenos além de pessoas ilhadas.

Devido a ruptura de cabos da rede elétrica, diversos pontos da cidade ficaram sem energia e ruas precisaram ser interditadas.

Durante o pico da chuva, houve a necessidade de instalação por parte do Corpo de Bombeiros do Sistema de Comando de Operações ( SCO) com a participação da Prefeitura municipal , Defesa Civil, CEMIG e MCTRANS para melhor gerenciamento das ocorrências e resposta de maior prioridade para o restabelecimento da situação de normalidade.

O 7º Batalhão de Bombeiros recebeu 52 chamados para atendimento de ocorrências diversas relacionadas diretamente às chuvas nos bairros: Centro, Alto da Boa Vista, Santa Cecília, Vila Anália, Todos os Santos, Santo Antônio, Vila Sion, Santo Inácio, Alterosa, Edgar Pereira, São Judas Tadeu, Alice Maia, Vila Exposição, Tancredo Neves, JK, Planalto, Independência, Recanto das Águas, Maria Cândida, Cintra, Jardim São Luís, Renascença, São Geraldo, Vilage do Lago, Nossa Senhora das Graças, Tancredo Neves, Morada do Sol, Vila Tupã, Santa Lúcia e Delfino Magalhães, num total de 30 bairros.

Durante a madrugada, o Corpo de Bombeiros continuará atendendo as ocorrências e na manhã do dia seguinte mais guarnições de Bombeiros serão empenhadas juntamente com as equipes da Prefeitura, Defesa Civil, Cemig, até o restabelecimento total da normalidade.

Até 01h da manhã deste sábado (23), o 7º BBM recebeu um total de 52 ligações com as seguintes naturezas:

- Queda de árvores: 33
- Risco de desabamento / desmoronamento: 05
- Inundação: 05
- Salvamento de pessoa em inundação: 01
- Perigo de eletrocussão: 08

Não houve registro de pessoas desabrigadas ou desalojados por parte do Corpo de Bombeiros.
Não houve ainda registro de vítimas fatais nem feridas.

***

Jornal Estado de Minas:

Temporal faz torre de telefonia cair e assusta moradores de Montes Claros Equipamento tinha cerca de 40 metros de altura e danificou um muro de uma casa ao atingir o solo. Apesar do susto, ninguém ficou ferido.

Luiz Ribeiro -

Uma forte chuva atingiu Montes Claros, no Norte de Minas Gerais, na tarde desta sexta-feira (22/10). Durante sua passagem pela cidade, o temporal causou diversos estragos, chegando a provocar a queda de uma torre de telefonia celular, com cerca de 40 metros de altura. Apesar do susto, ninguém ficou ferido. O fato aconteceu no Bairro Acácias, uma das localidades mais atingidas pela chuva em Montes Claros, ao lado dos bairros Esplanada e Independência. Um vídeo que circula nas redes sociais mostra o momento da queda da torre. É possível ver nas imagens que ventava bastante na hora. O morador que fez a filmagem ficou bastante assustado. Apesar do susto, a torre danificou o muro de uma casa. De acordo com o Corpo de Bombeiros, não houve vítimas A força do vento também derrubou vários portões de casas, telhados e caixas d`água. Bairros como Planalto e JK, por exemplo, registraram alagamentos. No Bairro Santa Lúcia, os bombeiros fizeram o resgate de um homem de, aproximadamente, 35 anos, que estava dentro de um carro tomado pelas águas. Em outro caso, no Bairro Santo Amaro, uma família foi retirada de casa com o auxílio dos militares, uma vez que o imóvel inundou. De acordo com o 7º Batalhão de Bombeiros Militar (BBM), até por volta de 18h o quartel havia atendido a 19 ocorrências envolvendo quedas de árvores, além de sete riscos de inundações, quatro chamados de prevenção de eletrocussão e três riscos de desabamentos. O fornecimento de energia elétrica também ficou comprometido na cidade. O Aeroporto de Montes Claros, por exemplo, ficou às escuras em um período da tarde. Alguns bairros seguem sem luz, mas, até a última atualização desta reportagem, a energia havia voltado no aeroporto.

***

Jornal O Tempo:


Montes Claros é atingida por forte chuva de granizo e contabiliza estragos; veja
Temporal foi classificado como assustador por moradores do município: "nunca vi nada igual", declarou um jovem

RENATA EVANGELISTA -

Um forte temporal de granizo atingiu Montes Claros, no Norte de Minas, e deixou um rastro de destruição nesta sexta-feira (22). A tempestade atípica na cidade, que costuma registrar altas temperaturas diariamente, foi classificada pelos moradores como "assustadora".

O aguaceiro com vendaval e pedras de gelo caiu por aproximadamente duas horas. O Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil ainda atendem as ocorrências e contabilizam os estragos. Mas, até o momento, não há registro de vítimas graves.

No entanto, os transtornos foram diversos. Casas destelhadas, muros no chão e ruas tomadas por sujeira são cenas comuns no município nesta noite. O temporal ainda deixou pessoas ilhadas, ruas alagadas e imóveis sem energia elétrica. A chuva com o granizo, conforme os bombeiros, começou por volta das 16h. "Ainda estamos nas ruas atendendo diversos chamados", contou um militar da região.

Morador de Montes Claros, Diego Rafael, de 25 anos, declarou que nunca presenciou uma tempestade tão intensa. "Igual essa de hoje nunca aconteceu aqui. Foi muito assustador", definiu.
Funcionário da Apae de Montes Claros, ele disse que a instituição perdeu todo o telhado, além de quatro computadores, um notebook e uma impressora. "Mas os estragos ainda estão sendo contabilizados", falou.

O jovem ainda contou que viu o muro de uma residência ao lado da Apae cair. "Realmente assustador", declarou.

Ocorrências
Na avenida Antônio Lafetá Rebelo, no bairro Santa Lúcia, um homem de aproximadamente 35 anos ficou ilhado dentro de um veículo. Já na rua Trinta, no bairro Santo Amaro, uma família ficou impedida de sair de uma casa que estava sendo invadida pela força da água. Nas duas ocorrências, os bombeiros tiveram que ser acionados para resgatar as vítimas.



***

Domingo 7h49m: Divulgação dos Bombeiros:


MONTES CLAROS/MG – BALANÇO DAS OCORRÊNCIAS RELACIONADAS ÀS CHUVAS

(...) As guarnições de bombeiros atenderam, até o final do sábado, 45 ocorrências relacionadas ao período chuvoso sendo elas:
- Vistoria em árvore com risco de queda: 13
- Corte/Poda de árvores: 15
- Risco de desabamento/desmoronamento/alagamento: 12
- Perigo de eletrocussão: 05

Não houve registro de vítimas fatais e nem feridas.

***

CEANORTE

A chuva danificou a estrutura de 2 galpões da Ceanorte.

O galpão 2 foi interditado parcialmente.

Compartilhe
Siga-nos nas redes sociais