Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 21 - quinta-feira, 24 de setembro de 2020

Máscaras são, até aqui, uma das armas mais eficientes contra o coronavírus. 1 em 4 pessoas tem o risco reduzido, proclama estudo

Segunda 10/08/20 - 6h38

O uso de máscaras vem se revelando uma dos principais itens contra o novo coronavírus, podendo reduzir o risco em até 25%. Foi o que apontou estudo do Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos.
REDUZEM
Especialista da Universidade da Califórnia em São Francisco, disse ser provável que as máscaras, ao bloquear algumas das gotículas portadoras de vírus, reduzem o risco de adoecer gravemente devido ao COVID-19.
MAIOR
“Quanto mais vírus entra em seu corpo, mais doente você fica. Um pequeno número de partículas virais tem maior probabilidade de ser reprimido pelo sistema imunológico antes de proliferar”, disse.
ONDE
Em países onde o uso de máscaras já era comum, como Japão, Taiwan, Tailândia, Coreia do Sul e Cingapura, e em países onde o uso de máscaras foi rapidamente adotado, como a República Tcheca, as taxas de mortalidade e gravidade da Covid-19 permaneceram comparativamente baixas.
MUITAS
“As máscaras podem prevenir muitas infecções por completo, como foi visto em profissionais de saúde quando mudamos para o mascaramento universal. Também estamos dizendo que as máscaras, que filtram a maioria das partículas virais, podem levar a uma infecção menos grave se você pegar uma . Se você for infectado, mas não apresentar sintomas - essa é a melhor maneira de pegar um vírus”.